Anel islâmico na… Suécia?

OLÁ OLÁ OLÁ, Gente!

Essa reportagem também é velha já, eu copiei do meu blog antigo pra cá.

No sbb_viking-ringéculo XIX uma escavação num sítio arqueológico na Suécia encontrou um anel junto do corpo de uma mulher, provavelmente uma rainha ou princesa de algum grupo viking que ocupou a região por volta de 850 d. C.

O anel (foto ao lado), feito de prata com uma “pedra” roxa (na verdade feita de vidro, técnica muito utilizada pelos árabes), possui uma inscrição sutil na pedra, em árabe, que os especialistas traduziram como “por Allah”.

O anel é, segundo estudiosos, uma prova material de que os vikings e os muçulmanos tiveram contatos, provavelmente comerciais, suportando também teorias de que os vikings viajaram até regiões da Mesopotâmia e Egito. Isso porque, sempre que pensamos em vikings, lembramos de…

ou de…

ou, para os mais novinhos…

Maaaas, não, os vikings não eram ogros caçadores de dragões, eram um povo (também conhecido como nórdicos) com cultura bastante desenvolvida e ampla. Viviam na região do extremo norte da Europa, mas alguns grupos chegaram até mesmo na Grã-Bretanha, e ficaram conhecidos por serem violentos, pois utilizavam a pilhagem como forma de angariar riquezas – atacavam localidades mais ricas do resto da Europa, principalmente Grã-Bretanha e Francia, tomando-lhes tudo de valor, formando pilhas que depois levavam consigo.

Os vikings tinham a agricultura e o comércio como as maiores atividades econômicas e de subsistência, principalmente o comércio marítimo. Assim, não é difícil se pensar nos vikings trocando objetos com outros povos, inclusive com os muçulmanos – e cá entre nós, os muçulmanos eram grandes comerciantes também!

A ideia de um povo violento aproxima os vikings dos bárbaros, porém temos aqui que lembrar que o desenvolvimento das diversas civilizações pelo mundo se deu de formas muito diferenciadas, e não é porque a Europa estava em um ponto de desenvolvimento X (onde a população já era mais sedentária, e pouco se tinha de práticas de guerra consideradas bárbaras, como a pilhagem e a queima de cidades), que os outros povos estavam no mesmo ponto. A necessidade de alguns grupos buscarem novas formas de sobrevivência e de enriquecimento, apelando para tecnicas diferentes das usuais do período eurocentricamente falando, vai de acordo com a situação social de cada um.

O apelo à pilhagem e aos ataques a outros povos gerou também, por outro lado, novos contatos, com grupos vikings se instalando em terras diferentes das suas e sendo assimilados a novas culturas, como na Escócia e Irlanda. Além disso, os escandinavos também se expandiam para o leste, nos territórios bálticos e russos.

Enquanto alguns escandinavos estavam explorando, conquistando e colonizando o oeste, outros estavam fazendo praticamente a mesma coisa nas terras bálticas do leste, atraídos pela prata islâmica que estava chegando na Russia. (Swayer, p. 02)

O site de notícias científicas nódicas Sciencenordic publicou uma matéria em julho de 2013 intitulada Textos árabes antigos descrevem os sujos Vikings (em inglês), sobre a história do contato entre árabes e vikings – a partir de textos de escritores, geógrafos e historiadores árabes de cerca de 1000 anos atrás. Pesquisas feitas por diversos historiadores nórdicos mostram a história desse povo pelo mundo através de documentos que falam dos contatos – geralmente comerciais – entre eles. Isso mostra que a surpreendente ideia de um anel islâmico na Suécia não é lá TÃO surpreendente assim, né? 😉

bem, é isso gente. Beijs!

Referência:

Sawyer, P. H. Kings and Vikings: Scandinavia and Europe AD 700-1100.

Saiba mais em…

Anel encontrado na Suécia pode ser uma prova do contato entre os Vikings e a civilização islâmica, no jornal O Globo.

Islamic ring in Viking grave sheds new light on ancient ties, no site da CNN.

Arabic inscription found on viking ring, do site New Historian.

Anúncios

Opine também!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s